Pesquisa

Episiotomia, Laceração e a interferência na Vida Sexual da mulher

Episiotomia, Laceração e a interferência na Vida Sexual da mulher

Para gente falar sobre episiotomia, laceração e a interferência disso na Vida Sexual da mulher após o parto eu preciso te dar algumas informações antes… Tem uma história que é muito importante, que eu ouvi de um sexólogo muito renomado. Você sabe que já participei de muitos eventos na área da sexualidade e em um deles estávamos discutindo sobre dispareunia (dor na relação sexual) e suas causas principais. Esse sexólogo que também é ginecologista falou que uma das causas para dispareunia é a cicatriz que Continue lendo

Como a cultura do estupro atrapalha os Profissionais da Saúde

Como a cultura do estupro atrapalha os Profissionais da Saúde

“Ensina-se a cuidar de um corpo doente que não é sensual e nem sexual.” Essa frase eu tirei da pesquisa de doutorado da enfermeira Graciela Dutra Sehnem e que se relaciona com um tema muito importante que precisa ser discutido na área da Saúde: Como a cultura do estupro atrapalha nós, profissionais da saúde, a cuidarmos da saúde sexual dos pacientes. Porque será que precisamos considerar o paciente como ser assexuado no contexto clínico/hospitalar? Quero contar uma história que ouvi do meu marido que é Continue lendo

Câncer de mama também pode influenciar positivamente a sexualidade da mulher

Câncer de mama também pode influenciar positivamente a sexualidade da mulher

Quero compartilhar aqui a matéria que foi publicada pelo periódico Estudos de Psicologia (Campinas) em 2013 da minha pesquisa sobre câncer de mama e sexualidade. Deixei o link para a pesquisa na íntegra no final deste post. Quando ouvimos que mulheres são submetidas à retirada parcial ou total da mama como parte do tratamento contra o câncer, imaginamos muitas consequências negativas para a sexualidade feminina. No entanto, pesquisadores da Universidade de São Paulo encontraram uma variedade de vivências da sexualidade após o câncer de mama, evidenciando o Continue lendo

Profissionais de saúde precisam de treinamento em sexualidade

Profissionais de saúde precisam de treinamento em sexualidade

Falta treinamento para os profissionais da área da saúde lidarem com questões de sexualidade dos pacientes. Essa é a conclusão do estudo feito pela psicóloga Vanessa Monteiro Cesnik van der Geest (dir na foto), da Faculdade de Filosofia, Ciências e Letras de Ribeirão Preto (FFCLRP) da USP, ao analisar informações de profissionais de enfermagem em Ribeirão Preto. Segundo a psicóloga, a dificuldade em abordar o tema sexualidade pode prejudicar a saúde dos pacientes. “Danos que poderiam ser evitados com treinamento adequado e atitude proativa dos profissionais”, segundo Continue lendo